-Percursos sem roteiro

  • A democracia americana regressa com passo feminino e juvenil

    A vontade de regeneraçom democrática parece assomar de novo na política americana da mão de um grupo de congressistas iconoclastas e de umha geraçom universitária inconformista com a política exterior. Talvez umha new deal geopolítica como a proclamada polo facho secular da Estátua da Liberdade.

  • Lúgubre Gaza, dia a dia

    A comovedora fotografia de umha desconsolada mulher de nome Inas Abu Maamar abraçada ao corpo inerte da sua sobrinha de cinco anos, Saly, envolveita em sudário mortuário no Hospital Nasser de Gaza é obra de Mohammed Salem que lhe mereceu o Prémio Ortega y Gasset à Melhor Fotografia

  • De caça por Espanha

    Duas operaçons recentes, dirigidas a sectores de tanta envergadura estratégica como o sistema telefónico e o energético alarmárom com toda razom à CNMV e à opiniom pública informada até o ponto de provocarem imediata resposta pública. Referimo-nos à OPA de Blackrock sobre Naturgy e do fondo soberano suadita STC Telecom sobre Telefónica

  • O conciliábulo decifrado

    Um procedimento de ajuste fino, dificilmente objectável, que deveria servir para neutralizar tanto pranto patriótico em demanda de melhor trato fiscal. O insistente conflito inter-regional deve deixar passo ao cálculo consensuado dos índices correctores da populaçom regional

  • O retorno do relato jacobino

    O novíssimo enunciado do jacobinismo progressista melhora o standard dos seus malfadados antecessores, a UPyD de Rosa Díez e ilustre companhia, fundada em 2007 e dissolvida em 2020 e o projecto Ciudadanos de Albert Rivera, nascido em 2006

  • Inverno demográfico ao tempero do Atlántico

    A nossa matriz demográfica esmorece depois do imenso esforço reprodutivo que alimentou as enxurradas migratórias que espalhárom a estirpe galega por todo o continente americano primeiro e pola Europa em reconstruçom depois

  • A boa fortuna da banca

    Os resultados acumulados polos grande banca espanhola nos primeiros nove meses de 2023 superárom os 19.000 milhons, 20% mais que o a passado segundo diversas agências informativas. Umha insólita pletora de recursos que os executivos das entidades se apressurárom a relativizar para tentar coutar a esperada reacçom das autoridades responsáveis dos orçamentos públicos

  • Dous discursos

    Em aberto contraste com o entusiasta ruído mediático que sói acompanhar o Foro da Toxa, os Encontros luso-espanhóis, com sólida presença nos meios de comunicaçom portugueses, soem passar desapercebidos em Galiza como sintoma inequívoco da olhada hispano-cêntrica que domina o imaginário galego como inevitável ponto cego

  • Ricos o que se di ricos

    Contra o tópico inveterado da precariedade secular, a Galiza loze as virtudes de terra de acolhida propícia às grandes fortunas. Dêem umha volta pola Praça corunhesa do Parrote ou polas plácidas ribeiras de Oleiros para observar o discreto refúgio das afortunadas sagas familiares que encabeçam as listas de Forbes

  • Mercenários do terror, Ucránia invadida

    A atroz careta da esfinge metafísica evoca em nós a máscara de morte do Grupo Wagner designada para transmitir a imagem de ódio e destruçom, matéria prima dos grupos mercenários. A olhada artística enobrece e universaliza a grotesca insígnia do Grupo Wagner; elevando-a signo de depravaçom universal e terror cego